Kitchener - uma história sem igual

Há uns dias deparei-me com esta imagem e pus-me a pensar em todos os emigrantes que chegam aqui a Kitchener todos os anos, todos os meses, todos os DIAS!

Vêm de Portugal continental, das ilhas, do Brasil, da Alemanha, de Alberta, de Toronto, de Vaughn,... do mundo inteiro, e que no meio de uma mudança e de adaptação a um novo país ou cidade perdemo-nos em burocracias, registos e obrigações e podemos não ter tempo de pensar na cultura e na história que torna esta cidade diferente de todas as outras!

Vou explicar-vos a imagem que divulgo da Waterloo Region Generations:

Aqui podem ver uma lista de nomes que foi a concurso público e levou a que a cidade se chamasse de Kitchener. Estas foram as propostas dadas para se tirar o nome de Berlim, que levava desde 1807 pela predominância da imigração alemã e que teve de ser retirado na altura da Primeira Guerra Mundial devido às alianças entre o Canadá e o Reino Unido (contra a Alemanha).

O mais engraçado é isto. Sabem porque e que se chama Kitchener? Por causa do General britânico Horatio Herbert Kitchener que mais tarde ficou a ser de conhecimento público que fez parte da implantação dos campos de concentração na África do Sul, na Segunda Guerra dos Bôeres.

Agora depois de vos contar esta história e mostrar esta lista, acham que se poderia ter optado por um nome mais adequado? De qual gostam mais?

Se vos interessa a história da cidade, recomendo que visitem o Waterloo Region Museum! Vale muito a pena, principalmente no verão enquanto a parte de fora está aberta, fiz um vídeo onde podem ver um bocadinho o que esperar aqui.

Top Posts

CATEGORIES