A minha jornada #zerowaste

Acho que o estilo de vida minimalista corre lado a lado com a redução de desperdício de tudo!

Algo que também me incomodava para além da quantidade de coisas que tinha, era a quantidade de lixo que produzimos.

Posso dizer que o mais difícil foi começar. Não sabia por onde começar nem o que fazer.

Mas tal como nesta minha jornada de minimalista, que podem ler aqui, tudo começou quando fiquei grávida do Thomas e pus-me a pensar em coisas de uso único que poderia cortar porque palhinhas e giletes eram coisas que não faziam sentido para mim, porque não uso.

Fiquei com uma lista que incluía exatamente: proteções de amamentação para o peito, fraldas, toalhitas, papel de cozinha, papel de alumínio e celofane, saquinhos de passear o cão, saquinhos de sandes, embalagens individuais de iogurtes e sumos, filtros de café e garrafas de água.

Posso dizer que consegui eliminar quase todos menos as fraldas e toalhitas!

Vou ser sincera que nesta jornada senti-me frustrada muitas vezes porque muitos destes produtos fazem parte de hábitos que criei e foi difícil trocar mas fiquei super contente porque descobri mais mil coisas que se podem fazer!

Top Posts

CATEGORIES